- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


segunda-feira, 21 de março de 2011

HISTÓRIA - A CHINESA E SUA SOGRA

            Uma chinesa casou-se com o primogênito de uma família chinesa. Na China, os primogênitos tem por obrigação cuidarem de seus pais até o fim de suas vidas.
            A chinesa mudou-se para a casa de sua sogra. O primeiro mês de casamento foi de brigas diárias.
            A chinesa, desesperada, procurou o médico da família, dizendo-lhe que não suportava sua sogra e que alguém tinha que sair da casa. E que de preferência fosse a sogra. Queria um veneno para matá-la.
            O médico disse-lhe que se a matasse agora, todas as suspeitas recairiam sobre ela, sendo que todos sabiam de suas desavenças. Que ele iria dar-lhe um veneno que mataria sua sogra aos poucos, que demoraria 6 meses para que fizesse efeito e a velha morresse. Nesse período ela teria que fazer tudo pela sogra, para que ninguém suspeitasse dela.
            Ela levou o veneno para casa. Fazia as comidas que sua sogra gostava e punha o veneno. Sua sogra comia, que se lambuzava. Levava a sogra para passear para que todos vissem como ela tratava bem a sogra.
            A sogra, sentindo a mudança da nora, por seu lado passou a tratá-la bem, fazendo-lhe agrados.
            Seu marido, ao ver que as coisas haviam mudado e que nora e sogra estavam se dando bem, pensou que aquela era a mulher que ele deveria ter casado. E passou a tratar muito bem sua mulher. E passaram a ser uma família harmônica. A chinesa engravidou e tudo ia as mil maravilhas.
            Passado 4 meses a chinesa já não queria que sua sogra morresse.
            Procurou novamente o médico e disse-lhe que lhe desse o antídoto daquele veneno, pois gostava muito da sogra e que não queria mais que ela morresse.
            O médico sossegou-a dizendo-lhe que aquilo não era veneno e sim uma vitamina.

6 comentários:

Antônio Henrique disse...

Que bela história, ótimo ensinamento.

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Denise querida,

Todas as pessoas são um reflexo do nosso interior.
Quando tratamos uma pessoa com ódio e raiva no coração, recebemos de volta na mesma proporção.
Quando mudamos uma atitude, tudo á nossa volta muda junto.
O Universo te trata como você se trata....
Linda esta história, veja que quando a chinesinha mudou sua atitude, tudo á sua volta se transformou também....

Um grande beijo em sua ALMA!!!

ASTROTERAPIA disse...

Era placebo, rsrsrs.
As vezes ao mudarmos de atitude as coisas se tornam mais fáceis de lidar.
Oi Denise, seja bem-vinda, estarei te seguindo tb.
Bjs Cynthia.

YourMoneyBox disse...

Bonito blog! Quer ganhar um redimento extra? Passa no meu :)

GIL disse...

Lição de vida Denise, pois me dou super bem com minha sogra, tem 92 anos, adoro ela....bjks...Gil

Regina disse...

Bela estória Denise. É dando que se recebe não?

Um grande abraço