- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


sábado, 2 de setembro de 2017

INDIVIDUAÇÃO DA ALMA DOS ANIMAIS

            Mas se a alma dos animais já é individualizada, por que encontramos na codificação o Espírito de Verdade falar em individuação do princípio inteligente?
            Os animais seguem vários comportamentos padronizados para suas espécies. O Espírito de Verdade disse que uma ave sempre construirá o ninho do mesmo modo como faziam seus ancestrais, mesmo que nunca tenha sido ensinada a fazê-lo. Isso acontece por causa de uma ação instintiva ligada ao corpo e não ao espírito ou ao princípio inteligente que habita aquele corpo. À medida que o espírito, que estagia em um corpo animal, começa a agir por sua próprias vontade, independente da vontade do corpo, isto é, usando o seu livre-arbítrio, e começa a agir de modo particular e diferente do seu grupo, esse começa a se individualizar, não como corpo, mas como espírito. Esse princípio inteligente começa a se diferenciar dos demais em termos de ações, eu não são mais repetitivas e instintivas, mas por ações de sua própria vontade. À medida que se diferencia e pratica o seu livre-arbítrio, o espírito evolui e a cada reencarnação recebe um corpo mais apto a expor o potencial que adquiriu ao exercitar sua vontade independente.


Fonte: A ESPIRITUALIDADE DOS ANIMAIS – Marcel Benedeti
imagem: google

Nenhum comentário: