- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

CONTA DE SI

“De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.” — Paulo. (ROMANOS 14:12.)

É razoável que o homem se consagre à solução de todos os problemas
alusivos à esfera que o rodeia no mundo; entretanto, é necessário saiba a espécie de contas que prestará ao Supremo Senhor, ao termo das obrigações que lhe foram cometidas.
Inquieta-se a maioria das criaturas com o destino dos outros, descuidadas
de si mesmas. Homens existem que se desesperam pela impossibilidade de operar a melhoria de companheiros ou de determinadas instituições.
Todavia, a quem pertencerão, de fato, os acervos patrimoniais do mundo?
A resposta é clara, porque os senhores mais poderosos desprender-se-ão da
economia planetária, entregando-a a novos operários de Deus para o serviço da evolução infinita.
O argumento, contudo, suscitará certas perguntas dos cérebros menos avisados. Se a conta reclamada refere-se ao círculo pessoal, que tem o homem a ver pelas contas de sua família, de sua casa, de sua oficina?
Cumpre-nos, então, esclarecer que os companheiros da intimidade doméstica,
a posse do lar, as finalidades do agrupamento em que se trabalha, pertencem ao Supremo Senhor, mas o homem, na conta que lhe é própria, é obrigado a revelar sua linha de conduta para com a família, com a casa em que se asila, com a fonte de suas atividades comuns. Naturalmente, ninguém responderá pelos outros; todavia, cada espírito, em relacionando o esforço que lhe compete, será compelido a esclarecer a sua qualidade de ação nos menores departamentos da realização terrestre, onde foi chamado a viver.

Fonte: CAMINHO, VERDADE E VIDA
FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER/EMMANUEL
imagem: google

2 comentários:

Adelaide Araçai disse...

Sabe que sempre comento com os meus familiares que são eles a minha herança, a eles na eternidade me reportarei, por isso tento não infligir-lhes dor....Mas demorei para entender que não cabe a mim "consertar" o outro e o mundo.
Desejo a você Denise, um 2016 repleto de muita saúde, amor e harmonia!
Muita Luz e Paz
Abraços

ॐ Shirley ॐ disse...

A caridade começa dentro de casa e teremos que prestar contas de nossas atitudes dentro do convívio familiar. Somos nós os construtores do próprio destino.
Linda mensagem, Denise.
Paz e Luz!