- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


segunda-feira, 2 de abril de 2012

O INCOERCÍVEL PODER DO AMOR I


O amor ilumina a sombra da ignorância com o conhecimento, fomenta o progresso pelo trabalho, amplia os horizontes da percepção mediante o exercício contínuo da meditação.
            Ao ser fraco, oferece força e resistência; ao bruto, enseja a docilidade; ao rebelde, proporciona o equilíbrio; ao déspota, faculta a compaixão; ao empreendedor, gratifica com o êxito; ao pigmeu, transforma em gigante; ao desanimado, impulsiona o recomeço da ação interrompida; ao fracassado, estimula o prosseguimento da atividade, sendo a energia que transforma tudo e todos para melhor.
            O amor jamais desiste de levar adiante as obras de engrandecimento moral e espiritual da humanidade, porque se estrutura nos valores éticos da vida.
            Jamais se ensoberbece, porque sabe que o seu êxito é resultado da permanência do esforço infatigável para o alcançar.
            Em todas as situações é sempre o mensageiro da alegria e da ternura, jamais reagindo, sempre agindo de maneira correta e dulcificadora. Nessa aparente fragilidade está a sua força incoercível, que nunca cede espaço à prepotência e ao canibalismo.
            Pode-se impedir que se espraie, nunca, porém, que paralise a sua ação. Às vezes encarceram o indivíduo e o amordaçam, na vã expectativa de silenciar a sua expressão, que se exterioriza no olhar do impedido, que não se encontra vencido no sentimento que o domina e não pode ser aniquilado.
            Quanto mais difícil o solo dos corações a joeirar, mais o amor se intensifica e produz sementes de vida eterna.
            Quando os maus triunfam e pensam que poderão estabelecer o seu reinado infeliz, o amor suavemente brota do coração das vítimas e abençoa o martírio, tornando-se invencível.
            Todos aqueles que se lhe opuseram através da história sucumbiram posteriormente ao seu encanto e vigor.

Do livro: Entrega-te a Deus     
Divaldo Pereira Franco/Joanna de Ângelis

ImageChef.com - Custom comment codes for MySpace, Hi5, Friendster and more

3 comentários:

Élys disse...

O Amor a tudo transforma, pois o Amor é a própria essência de Deus.
Beijos.

Mari disse...

Lindo, amiga Denise, adorei o texto!!

Desejo que sua semana seja iluminada!!
Beijos!♥

Jorge (Nectan) disse...

Mesmo os maus possuem o Amor, pois ele é essência divina em cada um de nós. Apenas que ainda não brotou do coração. Mas vai!!!!

Belo texto!!!

Beijo, Anjo!!!