- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -
PODEM NOS TIRAR AS FLORES, MAS NUNCA A PRIMAVERA.

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


quinta-feira, 2 de agosto de 2012

O QUE O ADOLESCENTE ESPERA DA SOCIEDADE E O QUE A SOCIEDADE ESPERA DO ADOLESCENTE I

O adolescente é um ser novo, utilizando-se do laboratório fisiopsíquico
em diferente expressão daquela a que se acostumara.
Algumas das suas glândulas de secreção endócrina, como a pituitária
inicialmente, encarregam-se de secretar hormônios que caracterizam as graves
e profundas alterações na sua organização física, a fim de que, nos homens,
os testículos possam fabricar testosterona, encarregada das definições sexuais
masculinas. Nas meninas, os ovários dão início ao labor de produzir e eliminar
estrógeno, que depois se torna cíclico, assinalando as formas da puberdade e
logo se transformando em ciclo menstrual. Os meninos igualmente
experimentam uma produção de estrógeno, que provém das glândulas suprarenais, e contribuem para o desenvolvimento dos pelos pubianos e demais alterações externas do conjunto genital, que se unem para anunciar a chegada da puberdade.
Os hormônios do crescimento, secretados pela tireóide e pela pituitária no período da puberdade, passam por significativa transformação e respondem
pelo alongamento e peso do corpo — também denominado estirão de
crescimento, que dura em média quatro anos — e definem sua nova estrutura
e forma.
Esse período turbilhonado no jovem leva-o a verdadeiras crises
existenciais de identidade, de contestação de valores, decorrentes das
mudanças físicas, sexuais, psicológicas e cognitivas ao mesmo tempo.
Em razão da imaturidade, o adolescente espera compreensão e auxílio da sociedade, que lhe deve facultar campo para todos os conflitos, não os
refreando nem os corrigindo, de forma que o mundo se lhe torne favorável área
para as suas experimentações, nem sempre corretas, dando surgimento a
novos conceitos e novas propostas de vida.
Essa aspiração é justa, no entanto o ônus é muito alto quando os
resultados se apresentam funestos ou danosos, o que normalmente ocorre,
tendo-se em vista que a inadequação do jovem ao existente impede-o de
entender o que sucede, não possuindo recursos para solucionar os desafios
que surgem e a todos aguardam.

ADOLESCÊNCIA E VIDA       
DIVALDO PEREIRA FRANCO/JOANNA DI ÂNGELIS

x_3c9af6bf

4 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Pois é amiga Denise, através da explicação científica fica mais fácil compreendermos determinados comportamentos do período da adolescência. Um abraço. Tenhas uma boa noite.

GoArtes disse...

É uma fase bem complicada, Graças ao Pai, não tive grandes problemas com meus filhos, sempre fui muito amiga e aberta pra todo tipo de conversa.

Estou me apaixonando pelo espírito da Joanna di Ângelis, ando a procura de um livro com sua biografia, você conhece algum?

Xerokas e abraços fraternos

ELAINE disse...

Texto lindo e sábio! Se achou lá no blog? É.... Você tá lá.... Dia 07 de agosto é aniversário de um (01)ano do Blog! Espero você! Obrigada pelo carinho e pelos comentários sempre tão gentis!
Um abençoado e feliz final de semana!
Abraço carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

GoArtes disse...

Oi Denise,
Fase complicada mesmo!!!
Eu passei por ela com 3 filhos,mas, graças ao Pai, foi tranquilo, muito amor e muita conversa, abertura total.

Abraços fraternos e um fim de semana iluminado.
Go