- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


terça-feira, 6 de maio de 2014

MENSAGEM

 “Silencia o que ouves.
Muitas aflições seriam poupadas às criaturas, se se soubesse ouvir e reflexionar.
 Infelizmente, muitas pessoas se apressam a passar adiante o que ouvem, alterando-lhe o conteúdo e salientando os pontos delicados ou negativos.
As mensagens truncadas, os assuntos adulterados, possuem o condão miraculoso de perturbar, gerando conflitos e situações insustentáveis.
Não transmitas informações malsãs.
Escuta com calma, sem apressar conclusão.
Se pretendes comentar a respeito, tem o cuidado de fazê-lo, colocando a situação como se fosse a tua e apresentando-a com benignidade.”

Do livro: Vida Feliz – Divaldo P Franco/Joanna de Ângelis
Extraído do blog: http://miltonkennedy.blogspot.com.br
imagem: leonardofrossard.blogspot.com

2 comentários:

Leonice disse...

Denise, que bela mensagem...

É verdade! Infelizmente nos dias de hoje quase ninguém silencia para ouvir o outro é um atropelo de palavras sem fim e ainda deturpam tudo o que acha que ouviram.
Um carinhoso abraço, fique com Deus.

Dilmar Gomes disse...

Amiga Denise, sábias palavras de Joanna de Angelis. Este crime bárbaro que ocorreu em São Paulo, fruto das conclusões levianas em face de um retrato falado, não teria ocorrido se, pelo menos, aqueles que ainda fazem justiça, entre aspas, com as próprias mãos, houvessem esperado para que a verdade viesse à tona. Aliás, eu, pessoalmente não concordo em hipótese alguma que se faça justiça tipo lei do Talião. Sou contra, inclusive, a pena de morte. Para compensar crimes hediondos, então, que se aplique a prisão perpétua.
Um abraço. Tenhas uma noite abençoada.