- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


domingo, 22 de janeiro de 2012

JUSTIÇA E PROVIDÊNCIA DIVINA II

Posturas em relação ao tempo:       
            Pós-ocupação = centrada no passado. A pós-ocupação está relacionada com a lamentação em relação àquilo que passou. Gera culpa, ansiedade ou angústia, por ter agido de forma equivocada no passado. O indivíduo assume uma atitude de irresponsabilidade pela condução de sua vida. Ele fica se lamentando pela forma como praticou determinadas ações no passado, sem, contudo, corrigi-las.
            Preocupação = centrada no futuro. O indivíduo gasta energia se pré-ocupando com as atividades que deve fazer, ou com as atitudes que deve tomar no dia de amanhã. Geralmente se preocupa negativamente, fantasiando as ocorrências do futuro com cores negras e sombrias, produzindo o pessimismo. Outras vezes, cria expectativas maiores que suas possibilidades de realizá-las, gerando um falso otimismo. Gera muita ansiedade em relação ao futuro. Não precisamos nos preocupar, despendendo energia, tentando controlar um tempo que ainda não ocorreu. O futuro é o vir a ser, portanto incontrolável.
            A maioria das pessoas oscila entre a pós-ocupação e a preocupação. Lamentam-se pelo que aconteceu e tendem a projetar os resultados dos acontecimentos negativos do passado, no futuro, se preocupando com o fato daquele resultado negativo vir a ocorrer novamente. Gastem, com isso, muita energia que poderia ser despendida no mento presente, único a ser vivido realmente.
            Ocupação = centrada no presente. Gera a resolução de conflitos e problemas. Toda a sua energia é refletinda na melhor maneira de superar os obstáculos que surgem, no momento que eles aparecem. Podemos, no entanto, nos ocupar com o passado, refletindo sobre o que nos ocorreu, tirando dele um aprendizado para nortear as nossas ações no presente. Podemos, também, nos ocupar com o futuro, estabelecendo planejamentos, metas a serem cumpridas, pois o que é problemático não é pensar no amanhã, é pensar no mal de amanhã. Para isso é essencial a confiança na Providência Divina, que de maneira alguma substitui a previdência que todo ser humano deve ter, planejando o melhor para o seu futuro. Como só podemos viver, verdadeiramente, o tempo presente, após termos planejado as ações em relação ao futuro, necessitamos passar a cumpri-las, concentrando todo o nosso esforço em ações positivas no aqui e agora. Com este procedimento estaremos nos concentrando no bem do dia de hoje, transmutando o seu mal para que procedamos bem amanhã.

(continua)

PSICOTERAPIA À LUZ DO EVANGELHO DE JESUS        
            Alírio de Cerqueira Filho                

Glitter Symbols - ImageChef.com

3 comentários:

Maria José Rezende disse...

Olá amiga Denise. Adorei esse texto e não o conhecia. Vou copiá-lo e levá-lo ao Centro Espírita em que trabalho para compartilhar esse conhecimento tão importante. Beijos e ótima semana.

Mãe Terra, Estamos Aqui... disse...

Esse texto é continuação do último post né, perfeito e verdadeiro, se as pessoas acordassem para essa realidade, não teriam tanto stress...

O SENHOR DO TEMPO disse...

A JUSTIÇA DIVINA SEMPRE SOBREVIRÁ

GRANDE A BRAÇO QUERIDA

TENHA UM BOM INÍCIO DE SEMANA

BJS

BRUNO