- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -

- * - * - * - * - * - * - * - * - * - * -
PODEM NOS TIRAR AS FLORES, MAS NUNCA A PRIMAVERA.

CONHEÇA O ESPIRITISMO - blog de divulgação da doutrina espírita


domingo, 15 de janeiro de 2012

LIBERTAÇÃO GLORIOSA II

            Esclarecido em torno do significado existencial, dos objetivos de que a reencarnação é portadora, o ser humano desperta para a compreensão da terrestre caminhada, experimentando inexprimível alegria de viver conscientemente.
            O mal dos maus não o perturba nem as ameaças da agressividade o atemorizam.
            Fixa-se nas finalidades que descobre em favor do seu crescimento íntimo e avança de mente erguida aos céus, enquanto os passos rumam com segurança na direção do porto que lhe espera o triunfo.
            Fala-se muito, e com justa razão, a respeito da violência que grassa pandêmica, dizimando vidas, destruindo projetos de enobrecimento, diluindo sentimentos de solidariedade e fomentando males incontáveis.
            Não basta, porém, apenas assinalar-se o crime e a devassidão, mas lutar para diminuí-los, enquanto não se consiga bloqueá-los. Para tanto, a ação moralizadora, singela que seja, o comportamento saudável, as atitudes de benignidade e de auxílio constituem passos que se tornarão de alto significado, à medida que se multipliquem.
            Muitas vezes, comentar o mal, sem gerar movimentos que se lhe oponham, contribui para a sua propagação, que recebe adesão dos fracos morais ou temor exagerado daqueles que ainda são mais débeis de sentimentos.
            Não comentar o mal, o erro, o desar, constitui medida profilática para impedir-lhes a divulgação.
            Aquele que se esclarece em torno da vida espiritual encontra um tesouro que pode multiplicar, mimetizando todos os outros que se lhe acercam, ao tempo que diminui a densidade miasmática predominante.
            De alguma forma, muitos males podem ser evitados quando as criaturas tomam conhecimento das leis de Deus e a elas submetem-se, especialmente quando conseguem raciocinar em torno da justiça e das ocorrências espirituais, da interferência dos espíritos nos seus pensamentos, palavras e atos, assumindo o compromisso de manterem-se em elevado nível de comportamento, o que impede a interferência daqueles que são maus e presunçosos, perversos e ociosos.
            A palavra de amor e de esclarecimento que nasce nas emoções da solidariedade e da compaixão transforma-se em estrela luminífera, mantendo claridade esfuziante á sua volta.
            Se a pessoa, porém, a quem apresentas os conceitos sublimes do espiritismo, recusa-se a recebê-los ou agride-te com veemência, encontra-se mais enferma do que imaginas, e, em vez de reagires, doa-lhe um sorriso fraterno e uma onda de compaixão de quem a compreende, mas não insistas.
            Há muitos cegos que adicionam à cegueira a revolta pela mágoa que sentem em relação àqueles que vêem, tornando-se intratáveis, até mesmo com as pessoas que os desejam auxiliar. A sua rebeldia procede do ressentimento em relação à felicidade dos outros, autocompadecendo-se pelo que consideram um infortúnio de que se acreditam haver sido vítimas.
            Há doentes muito graves que se permitem manter na situação deplorável em que se encontram a assumirem uma diferente atitude.
            Mortificam-se e agradam-se quando ferem o seu próximo, desforçando-se do problema que os amarguram.
            Em situações dessa natureza, não te facultes revides ou manutenção de ressentimento, considerando-os ingratos ao teu devotamento.
            Segue adiante e os confia ao tempo.

Do livro: Entrega-te a Deus     
Divaldo Pereira Franco/Joanna de Ângelis

Glitter Symbols - ImageChef.com

7 comentários:

Regina disse...

Hoje especialmente me fez muito bem ler um pouco da doutrina espírita.
Semana muito difícil essa.

roselia disse...

Olá, querida
"O mal dos maus não o perturba nem as ameaças da agressividade o atemorizam."
Assim vou vivendo sempre... a vida todinha... sem me cansar...
Bjm de paz e alegria

Evanir disse...

Embora tenha que levar sempre
uma cola para visitar você e a todos que amo tanto.
O meu blog para mim é uma benção de Deus na minha
vida.
E nesse mundo gingantesco de blogs amigos
que encontro o carinho que me liberta fazendo
com que eu viage esquecendo por
algum tempo minhas dores fisicas.
Quanto ao meu coração eu deixo para todos vocês cuidar
me sinto forte em cada abraço deixado nos comentários.
Como é bom receber sua visita e compartilhar uma amizade
verdadeira .
Deus abençoe sua semana.
Meu eterno carinho.
Beijos no coração.
Evanir...

Zilani Célia disse...

OI DENISE!
QUE BOM VIR TE VISITAR E PREENCHER A ALMA COM UMA LEITURA DESTAS.
SEMPRE ENSINAMENTOS RELEVANTES PARA VIVERMOS EM PAZ E DENTRO DOS DITAMES DA DOUTRINA.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com/

Orvalho do céu disse...

Olá, querida
Que a nossa Libertação seja sempre em Cristo Jesus, o Mestre Amado que nos quer muito bem!!!
Bjm de paz e alegria

Maria José Rezende disse...

Olá amiga Denise. Os textos daqui são excelentes e escolhidos a dedo, para mostrar as maravilhas da nossa Doutrina Espírita. Beijos e fique com Deus.

Adelaide Araçai disse...

Perfeito, este texto casa com os ensinamentos de mamãe...que sempre falou para fazermos o bem sem esperar gratidão da pessoa favorecida, e sim acreditar que algum dia alguém fará por nós.

Muita Luz e Paz!
Abraços